Ainda não te disse nada


Título: Ainda não te disse nada
Autor: Maurício Gomyde
Editora: Porto 71
Páginas: 236
ISBN: 9788591184019

"Ninguém mais escreve cartas hoje em dia", ela pensava. Até que um dia uma caiu em suas mãos e mudou o rumo de sua vida. Levou-a ao lugar que sempre sonhou. E a conhecer o amor do jeito que nunca imaginou, da forma mais improvável do mundo...

Booktrailer


Pensou no filme Cartas para Julieta? Esqueça. O livro do Maurício não tem nada a ver com o longa. E só de fazer a resenha do livro eu já fico com aquele nó na garganta, de tanto que me emocionei com a história. 

Marina é uma romântica irremediável, acredita no amor verdadeiro e no destino. De uma família do interior, consegue sair de lá e evitar de prosseguir com os negócios da família, indo na capital de São Paulo para estudar Design de Moda. Seu sonho é se tornar uma grande estilista e não uma padeira, coisa para qual ela não leva jeito. No entanto, sua criatividade, sensibilidade e hábeis mãos fazem com que desenhe maravilhosamente bem modelos incríveis. 

Além da ajuda dos pais que recebe e que acreditam na filha, Marina trabalha nos Correios para se sustentar e é lá que estranha ao ver uma ruiva muito bonita sempre aparecer com cartas para serem postadas. 

Por força do destino, Marina encontra-se com a ruiva no café em que sempre fica desenhando novos modelos antes de ir para a faculdade e lá inicia uma conversa com ela. Descobre que a tal ruiva possui um pequeno negócio na internet, um site chamado "O Anjo Carteiro". Lá as pessoas a contratam para escrever cartas e se corresponder com parentes etc., pessoas que ela não conhece, apenas sabe de algumas informações básicas... de resto, ela usa a criatividade. 

- Funciona, porque as pessoas pra quem escrevo querem que tudo seja - ela parou, fechou os olhos por dois segundos e abriu devagar. - Não é questão de ser ou não verdade... A verdade mora em quem acredita, entende?

Marina fica encantada com a possibilidade de alguém poder levar conforto e amor para pessoas que estão tão sozinhas. No entanto, quando a caixa postal da ruiva está com uma carta que ainda não foi buscada, ela resolve ir atrás da mulher, sem mesmo saber o seu nome. Mais uma vez o destino intercede. A ruiva morreu e Marina possui aquela carta nas mãos. Apesar de lutar contra sua curiosidade, lê a carta de Heitor, uma linda carta endereçada para um amor de muitos anos atrás, perdido pelo tempo. 

Marina passa a se corresponder com Heitor e suas cartas vão se enchendo de ternura e carinho pelo desconhecido: um senhor que mora em Portugal e se encontra em um asilo. Ela continua a faculdade, e agora está mais próxima de seu sonho de se tornar uma estilista famosa através de um concurso oferecido por uma revista e uma famosa grife de alta costura. Mas para continuar com o seu sonho ela deve tomar uma decisão, contar a Heitor que não é o grande amor de sua vida, o que lhe causa uma imensa tristeza. 

Mas, mais uma vez, por obra do destino, as coisas não acontecem como previstas e Marina terá surpresas em seu caminho, assim como nós, leitores. 

Um livro lindo e apaixonante, com uma história belíssima que irei guardar com carinho. 

Não poderia deixar de postar também o vídeo com a música que inspirou o nome do livro (Pedro Abrunhosa - Se eu fosse um dia o teu olhar). 

2 comentários:

  1. Nossa que lindo deve ser este livro...
    Amei a criatividade das folhas da árvore serem cartas. Muito linda a iniciativa da Marina em ajudar o Heitor, fiquei balançada com a decisão de contar a verdade para ele.
    Vou colocar na lista!!!
    Obrigada pela dica!!!

    ResponderExcluir
  2. Ola! Tudo Bem! Me nome é Ulisses Sebrian
    e visitei o seu blog e gostei muito. Entrei como
    Seguidor se não se importa. Parabéns pelo seu blog
    e boa sorte.
    Gosto de literatura.
    Sou autor de 9 romances disponíveis em meus blogs.
    Ah!Também tenho 4 blogs e gostaria que o visitasse.
    E se possível entrar como seguidor. Obrigado
    Os meus blogs são:
    http://truquedevida.blogspot.com.br/
    http://olhosdnoite.blogspot.com.br/
    http://melquisarcarde.blogspot.com.br/
    http://concientein.blogspot.com.br/
    E o blog ácido do meu amigo Ze barto.
    http://zebarto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir