Legado de Bathory


Título: Legado de Bathory
Autor: Alexandre Heredia
Editora: Tarja Editorial
Páginas: 144
ISBN: 9788561541262

Quando ouvimos ou lemos o nome de Erzsébet Bathory, logo lembramos das histórias macabras que levaram Erzsébet ficar conhecida como a "Condessa Sangrenta". Mas não irei entrar em detalhes sobre a sua vida, que são escassos e mais parecem rumores de revistas de fofoca. Além disso, o Legado de Bathory é uma obra ficcional e após a leitura o autor Alexandre Heredia anexa uma Nota Histórica, importante ser lida ao final do livro, pois o texto revela alguns detalhes importantes da trama. 

O Legado de Bathory, apesar de ficcional, usa como pano de fundo a história da Condessa Bathory, mas é só isso, como o próprio autor afirmou "a intenção deste livro não é ser um registro factual acurado, e sim um exercício de imaginação". 

De certo a Condessa inspirou muitas obras e é incrível que com apenas 144 páginas Alexandre Heredia tenha conseguido criar uma história tão envolvente e cheia de mistérios, uma trama repleta de referência históricas e que ao mesmo tempo possui elementos como romance, fantasia etc., em uma narrativa muito instigante, que me prendeu do início ao fim do livro. 

Logo somos levados à Hungria de 1938, a Europa está sobre uma ameça de uma Grande Guerra com o início dos avanços de Hitler e neste cenário conturbado a jovem brasileira Yara Ladányi chega a Hungria para o funeral de seu pai, que foi assassinado de forma brutal em sua casa em Budapeste. 

Yara, logo antes da morte de seu pai, recebeu um documento antigo que faz com que a garota suspeite que a morte de seu pai envolva estranhos mistérios que não podem ser explicados pelas autoridades. Audaciosa, Yara resolve iniciar uma investigação independente e vai atrás do professor de História e genealogista Laszlo Raduczi, que conhecera o seu pai e com o qual irá iniciar uma busca com base no documento que tem em mãos até chegar a infame exploração da história da Condessa Bathory. 

No entanto, Yara e Laszlo não estão sozinhos nesta empreitada, sendo perseguidos por uma figura um tanto estranha que rega de sangue a trama. Parece existir uma conspiração por detrás daquele documento que Yara recebeu de seu pai, mas o que haveria de tão importante nele e por que ele levaria a dupla a terrível história de Erzsébet?

Enquanto isso, os laços entre Yara e Lazslo parecem se unir, mas a garota sofre com terríveis crises impetuosas, o que é um tanto assustador e contrastante com a sua imagem.

Livro imperdível, cheio de mistérios e muito esclarecedor, apesar de ser uma obra ficcional. 

13 comentários:

  1. Cheguei a marcar o livro no skoob pra não esquecer, mas não tinha da história. Só vi que era da Bathory e já me interessei, achei até que teria relatos e alguns dados oficiais sobre sua vida.

    Mas realmente, os rumores sobre a vida ela geram um clima perfeito pra imaginação. To louca pra ler.

    ResponderExcluir
  2. Uma serial killer tão interessante e o livro teve ser D+
    Por enquanto ñ posso comprar mas quem sabe num futuro próximo...

    ResponderExcluir
  3. Nunca tinha visto nada falando desse livro. Mais gostei.
    Achei bem interresante a história, como nunca li nenhum livro que tenha um serrial killer, esse deve ser bem interresante.
    Bjos...

    ResponderExcluir
  4. Parece uma ficção interessante. Gosto de tramas que tem um pé na história. Coloquei na minha lista.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia a obra. Fiquei curiosa agora!

    ResponderExcluir
  6. Nunca tinha ouvido falar no livro e fiquei muito curiosa agora. ansiosa para ler!

    ResponderExcluir
  7. Este livro me interessou. Sempre que vejo resenhas mesmo de obras fictícias a respeito do nazismo, Hitler ou algo referente procuro conferir.

    ResponderExcluir
  8. Nunca tionha ouvido falar dessa autora, e nem dos livros dela, e tenho muita certeza de que se eu visse esse livro na livraria eu passaria direto, a capa na minha opinião tem um grande papel para eu ficar curioso sobre ele, mas pela sua resenha o livro parece ser bem legal.
    Abraços.

    http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. A resenha ficou bem bacana, não tive a oportunidade de ler, mas que sabe um dia, não é!?

    http://mundodosmngas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir